Como usar sapato baixo em qualquer ocasião.

Nos últimos dois anos, no atendimento às minhas clientes de consultoria de estilo, tenho percebido que o conforto sempre aparece como demanda de alguma forma. Seja em roupas que não apertem, em tecidos que permitam o corpo respirar ou calçados que deem mais mobilidade.

Eu diria que entre estes, e ainda outros aspectos que existem, a preocupação com sapatos que não espremam os dedinhos, não machuquem e possibilitem deslocamentos à pé, é o principal. Claro, sempre há quem ame um salto, mas até elas procuram por conforto de vez em quando.

Eu observo que os calçados flat, em suas mais variadas formas, tomaram as ruas e muitos looks de street style das fashionistas ao redor do mundo aparecem com peças assim. Os tênis são um ótimo exemplo, estão na vanguarda dos lançamentos e vendas das marcas, tem look até para sair à noite.

Se você também procura por este conforto, mas tem dúvidas de como fazer looks com sapatos sem salto ou quando usá-los, vou tentar te ajudar com algumas ideais aqui. Vem comigo!

Vale a pena conhecer os diversos modelos de calçados baixos que existem. Não se limite apenas ao tênissapatilhas, mocassins, alpargatas, oxfords e rasteirinhas são algumas possibilidades para você variar o sapato baixo.

Caso você tenha problemas com a altura e acredite que as baixinhas devem estar sempre de salto, alguns truques podem amenizar esta sensação e permitir que você não perca o conforto dos flats: deixe tornozelos à mostra (criando um espaço entre o comprimento da peça de baixo e o calçado), use sapatos nude, de gáspea baixa ou que deixem muita pele à mostra, escolha looks monocromáticos.

É possível usar sapatos baixos inclusive em eventos formais, escolhendo os que tem mais brilho, por exemplo, ou simplesmente optando pelo mais desconexo de todos – criando assim um efeito hi-lo.

No trabalho, é a formalidade do ambiente que vai ditar as regras: para os mais tradicionais, calçados inspirados no universo masculino (evite os modelos muito abertos nestes casos) e coordenados com peças de alfaiataria. Em meios mais informais há mais flexibilidade, e você pode se arriscar com modelos divertidos e descontraídos.

Agora é só escolher o modelo que tem a sua cara e aproveitar o conforto.

E se precisar ir além, estou por aqui.
Conta comigo!